Professores: Antonio Veras Nunes

Angela Romão Sobrinho

Resumo: O presente artigo tem como objetivo enfatizar o papel do professor de História em nossa sociedade atual

Palavras chave: História – sociedade – professores – didático – Fundamental – Médio – Superior – Revista – jornais – ensino – alunos. Informações – transformação.

O professor de História na educação atual tem a missão de: revalorizar a disciplina, conscientizando sempre de sua responsabilidade social; proporcionando aos seus alunos a melhor compreensão do mundo em que vive. Percebe-se que existem alguns profissionais da área de História sem compromisso com a disciplina, trabalham de forma tradicional, onde fala, pensa, mas deixam de estimular seus alunos a pensarem e expor suas idéias. Não estimula os alunos ao debate sobre as questões sociais condizentes a sua realidade. Os professores da área de História não podem confundir informação com formação, porque nos dias de hoje são muitas as informações presentes na sociedade. Existem grandes quantidades de informações, tais como; em jornais, revistas, televisões, cinema e internet. Sabe-se que tais informações presentes nesses meios de comunicações, ás vezes distorcem a realidade presente do nosso país, levando nossas crianças, jovens e adultos a se tornarem alienados. Muitos usam a expressão “o jornal escreveu”, “a televisão falou”, “está na revista ou na internet”. Sabe-se que essas informações só se tornam conhecimento quando são organizadas. Ai entra o papel do professor de História, usar desses meios e levar os alunos a questionar o que é real ou não, nessas informações. Deve ressaltar que vivemos em uma sociedade onde existe uma profunda crise de valores e atitudes. É nesse contexto de incertezas que entra o papel do professor, por isso é importante buscar novos recursos e atitudes didático-pedagógicos. O professor pode ajudar a sociedade usando o ensino, nesse caso o ensino de História, como instrumento de luta e transformação social, levando os alunos a uma consciência crítica que supere o senso comum para que possam não somente ver os acontecimentos, mas enxergá-los de maneira mais crítica e reflexiva. Sendo assim, o professor de História assume um papel, sobretudo político e social. Professores e professoras de História do Ensino Fundamental, Médio e Superior precisam encorajar-se social e politicamente, percebendo as possibilidades da ação social e cultural, na luta pela transformação das estruturas opressivas da sociedade brasileira. Por isso é necessário que conheçam a sociedade em que vivem os seus alunos e alunas.

Bibliografia

BITTENCOURT, Circe. O saber histórico dentro da sala de aula. 5 ed. São Paulo: Contexto, 2001

PINSKY , Jaime. Por uma História prazerosa e Consequente. São Paulo: Contexto, 2007.